#

Interjet voará diário a Havana (e mais barato)

interjet-cuba

A linha aérea mexicana Interjet, uma das principais desse país, incrementará as frequências de seus voos à capital cubana, uma medida anunciada após de que o governo de Donald Trump comunicasse a proibição de voos comerciais desde EE.UU. a 9 aeroportos de Cuba.

Desde este 3 de novembro Interjet incrementa a 7 os voos semanais (um diário) entre a cidade de Mérida, no estado de Yucatán e Havana, ou seja, mais cinco frequências semanais. Até hoje só se voa domingos e quintas-feiras, em só um par de dias terá voos diários, se incrementando o fluxo em mais de 2 mil bilhetes.

México é um dos destinos mais procurados pelos viajantes cubanos, milhares viajam, principalmente a Cancun, para fazer turismo de compras e a linha aérea aproveitaram este nicho para se posicionar com tarifas e planos mais económicos para os viajantes deste mercado.

Segundo informou a empresa, têm criado uma tarifa ultralight ou low cost, para que os viajantes cubanos possam transportar com uma bagagem de mão de 10 Kg a um preço preferencial de 109 por bilhete. Desde o ano 2009, quando Interjet começou a operar em Cuba, têm viajado quase 23 mil pessoas.

Interjet mantém acordos de código compartilhado com Iberia, British, Airways, LATAM Airlines e American Airlines, suas bases de operações encontram-se em Cancun, Guadalajara, Cidade de México e Monterrey e voa a 55 destinos, 35 dentro de seu país, e 20 aos Estados Unidos, Canadá, Cuba, Colômbia, Peru, El Salvador, Costa Rica e Guatemala.

Back to top