#

México atesoura o vinhedo mais antigo das Américas

11 de Novembro de 2019 9:35pm
Redação Caribbean News Digital Portugues
viñedo-mexico

México a cada vez assombra-nos mais, sobretudo quando começamos a ler as memórias de tradições, factos e costumes que perduram em lugares tão surpreendentes como o Vale de Parras e seus vinhedos, no estado de Coahuila, reconhecido na XIV edição dos Prêmios Excelencias 2018, em FITUR, publica Excelencias Gourmet.

Há já 422 anos este lugar acolhe uns vinhedos magníficos e cheios de história, localizados com exatidão na fazenda Casa Madero, em Parras da Fonte, Povo Mágico de extraordinária beleza, e lugar de encontro para amantes e conhecedores do mundo do vinho.

O nome de Coahuila deriva de vozes nativas utilizadas para referir-se aos originários da região. Alguns historiadores assinalam como acepções: "víbora que voa" e "lugar de muitas árvores", enquanto outros indicam que seu significado é "o lugar em onde se arrastam as serpentes". Foi durante a busca de ouro que os conquistadores espanhóis acharam vides neste território e iniciaram a centenária tradição vitivinícola nas Américas.

As bondades naturais da zona, caracterizada também pela presença de mananciais, motivou que os jesuítas Jerónimo Ramírez, Francisco de Aresta e Juan Agustín de Espinosa estabelecessem em 1594 a Missão de Santa María das Parras —hoje Parras da Fonte— e com as uvas das vinhas nativas produziram o primeiro vinho da região.

Num ano depois, dom Lorenzo García, um de seus povoadores, solicitou uma graça ou dotação de terras ao rei de Espanha Felipe II, quem finalmente autorizou em 1597 a semeia de vinhas nesta zona. Nasceu assim a fazenda de San Lorenzo, conhecida hoje como Casa Madero, cujas paredes de pedra e adobe, rodeadas de jardins e vinhedos, albergam a bebedores do mundo todo.

Back to top