#

Tempestade Cindy cancela voos e desvia cruzeiros nos EUA

22 de Junho de 2017 4:14pm
coordinador
Tempestade Cindy cancela voos e desvia cruzeiros nos EUA

A tempestade tropical Cindy, que se originou no Golfo do México nos últimos dias, atingiu o solo dos Estados Unidos pela primeira vez na manhã desta quinta (22), no Estado de Louisiana. Enquanto milhões de pessoas da região sul norte-americana se preparam para o mau tempo, companhias aéreas e de cruzeiros já tomam medidas preventivas contra a tempestade, inclusive com cancelamentos de viagens aéreas e desvios nos roteiros das embarcações.

Segundo o site Travel Mole, aeroportos do Texas, Louisiana, Mississipi e Flórida já são afetados pelo Cindy, e dezenas de voos com partida ou pouso nessas regiões já foram cancelados. Além disso, a rede de cruzeiros Carnival Cruise Line precisou desviar a rota das embarcações Carnival Valor e Carnival Triumph para longe da tempestade. Os navios cancelaram passagens pelos destinos mexicanos Progreso e Cozumel.

Em resposta à notícia da tempestade, algumas companhias aéreas norte-americanas já se manifestaram, dando ao passageiro a opção remarcar a viagem gratuitamente. Entre elas, a United Airlines, que garante a remarcação da viagem para passageiros que tiverem reservas em voos cancelados; já a Southwest Airlines informou que os passageiros que embarcariam em voos afetados pela tempestade, nas cidades de New Orleans (Louisiana) e Houston (Texas), poderão remarcar a viagem até 14 dias após a data original, sem cobrança de taxa adicional.

Ainda segundo o site norte-americano, passageiros com problemas em seus voos em Houston, no Texas; New Orleans e Baton Rouge, em Louisiana; Gulfport, em Mississippi; e Pensacola, na Cidade do Panamá, e Destin/Walton Beach, na Flórida, podem remarcar sem cobrança adicional para voos que ocorram até 25 de junho.

Até o momento, uma morte foi confirmada pela tempestade: um menino de dez anos que estava em um praia de Alabama. Ele foi atingido por um tronco derrubado por fortes ondas causadas pela tempestade.

A Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos prevê ainda "chuvas muito pesadas", com a chance de "inundações instantâneas com ameaça a vidas" em áreas da costa central e leste do Golfo. A tempestade, após entrar em Louisiana, deve seguir para o leste do país.

Fonte: www.panrotas.com.br

Back to top